Junta de Freguesia de Valhascos Junta de Freguesia de Valhascos

Caracterização

Valhascos

Breve Nota Histórica:

A povoação de Valhascos foi elevada à categoria de freguesia civil pelo governo, através de Despacho N.º 37.555, de 15 de setembro de 1949, “atendendo ao que representou a maioria dos chefes de família eleitores” e por considerar a existência de uma circunscrição “com população superior a 1300 habitantes”, além de possuir “paróquia religiosa, igreja, escola e cemitérios próprios”.
O despacho oficial referia ainda que a nova freguesia dispunha dos “ recursos indispensáveis para satisfazer os seus encargos”.

No entanto, já em 24 de fevereiro de 1938, lhe fora conferida a classificação de freguesia religiosa, por determinação do Bispo de Portalegre, D. Domingos Maria Frutuoso, passo essencial para que a Câmara Municipal de Sardoal e o governo “levassem a sério” o processo de autonomia administrativa, aspiração dos Valhasquenses.

 Refira-se, aliás, que tal pretensão foi precedida de amplas movimentações populares neste sentido, conforme documentam as edições do “Jornal de Abrantes” e “O Abrantes”, publicadas na ocasião.

A igreja paroquial, com o seu nome, começou a construir-se em 21 de abril de 1902 e foi inaugurada em 18 de outubro de 1904.Existem ainda as ruínas da ermida de Nossa Senhora da Graça, citada no “Santuário Mariano”, obra escrita no século XVIII, que a situa “três quilómetros a Este da Vila de Sardoal na aldeia dos Valhascos”.

Ao lado ficava o antigo cemitério onde “ havia sepulturas brasonadas, talvez da família Brandão de Cordes e Ataíde, do Pouxão”. Conta-se que aí, quase à superfície da terra, no meio da lavoura, se encontrou um esqueleto, presumivelmente de um oficial romano. Ao lado tinha a espada e os seus galões, que ainda eram perceptíveis.

Convém realçar que, perto desse local ainda hoje se podem descortinar restos de uma antiga calçada romana.

Neste domínio, convém também assinalar a existência de uma capela dedicada a S. Bartolomeu, que se julga ser do século XVI. Alguns destes elementos foram colhidos na “Monografia de Valhascos”, da autoria de Maria Teresa Lobato, publicada em 1959. A primeira referência que se conhece sobre Valhascos, data de 1532 e encontra-se na Carta de Demarcação do Termo do Concelho de Sardoal, datada em Lisboa, em 10 de agosto, por lavra de D. João III, que refere a “(...) vintena de Valhascos, será aldeia com seus rossios (...) e daí a um arrife de pedras que estão no cimo do sobral, onde está uma pedra alevantada nadível de seis palmos em alto sobre a terra e daí por baixo das oliveiras da Murteira, direito à fonte dos Valhascos e fica a fonte dentro da demarcação e daí vai direito ao rossio da aldeia a uma oliveira que tem três penedas nadíveis ao pé e daí por um arrife de pedras ao redor da casa dos herdeiros de Fernão Afonso”. Mais adiante pode ler-se: “ (...) e para do monte de Valhascos ir tomar água de Arcez, irá partindo da Portela do Mourisco, caminho de S. Lourenço até das direitas de Arcez, posto que dentro da demarcação fiquem três casais da dita vintena de Valhascos, porquanto hei por bem que fiquem no dito termo do Sardoal e sejam dele, além da aldeia e seus rossios”.
Em 1712, Carvalho da Costa, na sua “Corografia Portuguesa”, afirma que as aldeias são três e, em 1758, o pároco de Sardoal, respondendo ao interrogatório do Bispo do Algarve, refere que a localidade era composta por “68 vizinhos”.

É conhecida pela qualidade da sua hortaliça (couve de Valhascos), do seu azeite, dos frutos e cereais, devido à grande riqueza dos seus solos de cultivo. A freguesia é composta apenas pela localidade de Valhascos e por algumas habitações isoladas.

Área – 8,3 km²

População residente – 401 (Censos 2011)
Padroeiro  – Nossa Senhora da Graça


Festas Religiosas

Festa de S. Bartolomeu (agosto)

Festa de Nossa Senhora da Graça (8 de setembro)

Corpo de Deus – Comum a todas as Paróquias (junho)

 

Festas Anuais – setembro

 

Morada:
Largo Lobato Correia n.23
2230 – 180 Valhascos

Telefone: 241 855 900


Email:  freg.valhascos@gmail.com








© 2024 Junta de Freguesia de Valhascos. Todos os direitos reservados | Termos e Condições | * Chamada para a rede/móvel fixa nacional

  • Desenvolvido por:
  • GESAutarquia